TRAJETÓRIA DA MULHER NA PM E NOVAS CONQUISTAS EM DEBATE NO II ENCONTRO DA MULHER POLICIAL MILITAR

Por Ferreira Santos.




Os organizadores do II Encontro da Polícia Militar para mulheres da Segurança Pública encerraram o evento com um coquetel às 19h de sexta-feira, este foi realizado entre os dias (4 e 5) de maio das 9h as 18h com temas voltados para as mulheres. O encontro foi no Clube dos Oficiais da Polícia Militar do Distrito Federal, (COPM) no setor de Clubes Sul. Teve como objetivo, reunir o maior número de policiais femininas em debates sobre as vantagens, dificuldades, avanços e conquistas da mulher policial militar.
O evento contou com a presença do Comandante Geral da PMDF, o coronel Paulo Witt Rosbak, entre outras autoridades. Cerca de 400, profissionais da Polícia Militar além de convidados da Polícia Civil, Polícia Rodoviária Federal, Corpo de Bombeiros, Aeronáutica e Exercito estiveram presentes. Unidades da Federação como Minas Gerais, Goiás e Rio de Janeiro, enviaram representantes as quais fazem parte da história da Polícia Militar de seus Estados.

As palestras tiveram como foco a trajetória da mulher na Polícia Militar. ATenente Coronel Cinthyane acompanhada da capitã Graças e subtenente Célia representaram o BOPE. As três pertencem a grupamento de elite da PMDF e são as únicas com curso do COE – Curso de Operações Especiais. Tenente coronel Cinthyane, demonstrou orgulho e satisfação que tem de pertencer a unidade, que considera uma família. O desejo de um dia comandar a unidade de elite da PMDF ficou claro no final da palestra.

Major Priscila da Polícia Militar do Rio de Janeiro, convidada para o evento, falou da importância de vencer os desafios, dando exemplo das Unidades de Polícia Pacificadora (UPP’s), instaladas nos morros cariocas. No comando de uma unidade no morro Dona Marta, ela conseguiu baixar os índices de criminalidade e se tornou referência na Polícia Militar carioca.
Coronel reformada da Polícia Militar de Minas Gerais, a senhora Luciene, palestrou sobre a evolução da mulher na Polícia Militar. Apaixonada pela profissão e a família, ela enfatizou, os trinta anos que conviveu na caserna, seu maior desafio, vencer o preconceito.
Segmento saúde ficou com as Doutoras Tatiane e Márcia (nutricionistas da PMDF) - entre outras orientações, destaque para uma alimentação saudável e doenças sexualmente transmissíveis.
A beleza feminina não ficou fora da agenda, ao mesmo tempo em que acompanhava as palestras, as participantes poderiam visitar os estandes de manicure, massagem, nutrição, cabelo, maquiagem, lingerie, book sensual e secretaria de saúde.


Coronel Vanuza oficial mais antiga da corporação, primeira chegar a mais alta patente dentro da Policia Militar do DF e a comandar uma unidade operacional, coordenou os dois dias de evento. Auxiliada por outras mulheres oficiais e praças da corporação ela fechou o encontro com sorteio de diversos e brindes.
O Major Jorge Oliveira, da Assessoria Parlamentar da PMDF, ressaltou a necessidade e a possibilidade de 25 anos, de serviço para as policiais femininas.
O objetivo do encontro também foi e de aproximar as mulheres policiais femininas. Passar informação e conhecimentos que possam despertar em cada uma o espírito de lutar e coragem para vencer obstáculos e conquistar novos espaços dentro das corporações militares. Promover maior integração entre as policiais femininas e as unidades policiais. O encontro abriu as comemorações do 202º aniversário da corporação.

Acesse as fotos do evento Aqui